Como posso melhorar em te dar espaco?

Foto: Leda Bueno


demos um ao outro a unica coisa que realmente temos: nossa liberdade
entre beijos e abracos sem fim
demos um ao outro nosso tempo
nossos corpos, sons e silêncio
adormecemos naquela cadeira na biblioteca
nada nunca pareceu tao certo quanto deitar ao teu lado
seu coracao è como um velho de oitenta anos
sabiamente me dizendo o que seus olhos veem em mim

fiz muitas citacoes
enquanto aquelas palavras me faziam sorrir como uma garota de quinze anos
mas as coisas mudaram muito rapido
acho que nem entendi direito
você è a melhor coisa que nunca tive

ha um pouco de você em tudo que vejo
em todas as fotos que estou guardando
para nunca esquecer o quao brilhante a tua luz è
ou talvez para manter essa dor agridoce que è ter um coracao partido

sao duas da manha
ainda estou acordada
ouvindo minhas tristes cancoes de amor
olhando para o ceu atraves da janela grande do meu quarto
escrevendo algumas palavras para as estrelas
desejando ser a pessoa certa para você
que pudessemos sair de maos dadas

eu so queria te dizer
você è como melancia
a minha coisa favorita na terra








Comentários

  1. Incrível esse desabafo. Parabéns por ter coragem de dizer tais palavras.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está em Hiatus de verão de 18 de janeiro à 04 de março, mas comentaremos nos blogs amigos nesse período! Mesmo em Hiatus, o blog tem um post novo. Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  2. vc curte F1, então vc deve curtir carros. eu curto carros motores principalmente cadillacs. beijos ótima postagem. segue o meu blog:
    https://romline5.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Acho que tá na hora de um livro em inglês, hein!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Trinta e Três Voltas Ao Redor Do Sol

Arte é um processo

Hans is a storm